O nome não é por acaso: a dieta funcional busca garantir que o organismo funcione melhor graças ao consumo de alimentos poderosos tanto do ponto de vista da nutrição quanto da prevenção de doenças. Mais do que contar calorias, os nutricionistas adeptos dessa linha preferem investir na perda de peso que virá de um cardápio equilibrado. Com raras exceções, alimentos industrializados estão fora e os orgânicos ganham destaque. ?Quanto mais modificado pelo homem, menos você deve consumir?, acredita a nutricionista funcional Carolina Baliere, de Muriaé (MG), que elegeu os seis alimentos funcionais top desta reportagem. A dieta funcional convida você a experimentar o poder de alguns superalimentos por 15 dias.

 

6 superalimentos

São vários os alimentos considerados funcionais ? ou seja, que vão além de nutrir. Mas você não precisa incluir todos de uma vez no cardápio. Com seis deles, você já pode sentir a diferença!

 

Chá de hibiscoAlém de atuar como diurético, o chá diminui a vontade de comer doce, tem ação desintoxicante e contribui para afinar a medida da cintura. Não é preciso adoçar: ele tem um gosto azedinho agradável ao paladar. Compre a planta desidratada, prepare a infusão e tome ao longo do dia.

 

Pimenta caienaO gosto picante desencadeia no cérebro a produção de endorfinas, substâncias que trazem bem-estar. Além disso, provoca a vasodilatação, melhorando a circulação sanguínea. Ao acelerar os batimentos cardíacos e estimular a salivação e o suor intensos, aumenta o gasto de energia pelo organismo, ajudando na perda de peso. Ainda dá pique e tem papel no controle das doenças cardíacas.

 

ChiaEessa semente de origem andina entrou no cardápio dos nutricionistas funcionais há pouco mais de dois anos graças a seus poderes protetores para o coração ? cortesia do ômega-3. Aliás, é mais rica nesse nutriente do que sua ?concorrente? mais popular, a linhaça. Tornou-se também queridinha de quem faz dieta, pois aumenta a saciedade, melhora o ritmo intestinal e tem fama de auxiliar na definição da barriga.

 

Suco verde - Consumido pela manhã, ajuda a eliminar toxinas e, por ser rico em fibras, melhora o funcionamento do intestino, ponto fraco de cerca de 70% das mulheres, de acordo com Carolina. Quando juntamos ingredientes termogênicos, como a pimenta caiena, o suco ainda acelera o metabolismo e a queima de gorduras. Sem falar que, depois de um copo da bebida, é difícil você sentir fome por pelo menos três horas. Saciedade garantida!

 

AbacateDurante muito tempo, ele foi desprezado pelas dietas tradicionais por seu alto teor de gordura. O que se sabe hoje, porém, é que sua polpa macia é uma fonte potente de gorduras saudáveis, com ação anti-inflamatória, capaz de aumentar o colesterol bom (HDL) e combater o ruim (LDL). Tem alto teor proteico (é uma das campeãs entre as frutas) e muitas vitaminas. E é rico em triptofano, um aminoácido que trabalha na síntese da serotonina, o hormônio do bem-estar. Por isso, ajuda no controle da ansiedade e no processo de perda de peso. Também intensifica a ação do GH, hormônio que contribui para o aumento da massa muscular.

 

GengibreEssa raiz de sabor ardido e instigante é empregada há séculos como bactericida ? daí a tradição de usá-lo em chás para prevenir e tratar gripes e como parceiro do peixe cru na culinária japonesa. Hoje se sabe, porém, que o gengibre pode fazer muito mais: antioxidante, combate os radicais livres e contribui para desacelerar o envelhecimento; termogênico, turbina o metabolismo e a queima de gorduras; é excelente no combate às náuseas e tem atuação comprovada na diminuição da gordura abdominal. "Ele rende sopas maravilhosas, mas nesta dieta entra ralado, incrementando o suco verde", sugere Carolina Baliere

POSTADO POR: Administrador ÀS 16:59


MARCADORES: dieta

 

Separamos algumas das dúvidas mais comuns sobre rejuvenescimento que surgem nos consultórios. Veja quais são e as soluções que os especialistas apontaram para cada uma delas.

 

1. Dá para eliminar os pés de galinha somente com creme para a área dos olhos?


Infelizmente não, pois a função do cosmético é melhorar a textura e o viço da pele. "Para reduzir os sinais de envelhecimento, o ideal é associar o creme à aplicação de um preenchedor com ácido hialurônico, por exemplo, se a sua ruga for resultado do envelhecimento precoce ou natural, ou de toxina botulínica, no caso das marcas serem de expressão", diz a dermatologista Cláudia Magalhães, de Recife (PE).
 


2. Limpar e tonificar o rosto regularmente deixa a pele jovem por mais tempo?


"Sim", garante a dermatologista Irene Dantas, da Clínica Dicorp, no Rio de Janeiro. Isso porque a higiene correta remove as impurezas de maquiagem, poluição, fumaça de cigarro e sebo que, em excesso, podem entupir os poros e roubar o brilho característico da pele jovem e saudável. "Já o tônico sem álcool específico para o seu tipo de pele serve para equilibrar a pele e prepará-la para absorver melhor os ativos dos cremes de tratamento aplicados na sequência", completa a médica.
 


3. Adianta tratar a flacidez de pele no pescoço ou o negócio é partir direto para a cirurgia plástica?


A escolha do tratamento vai depender do seu grau de flacidez. Geralmente, os mais intensos são encaminhados ao cirurgião plástico, que consegue reposicionar o excesso de pele, porém, isso sempre deixa uma cicatriz. "Já a flacidez menos acentuada pode ser combatida com algumas sessões de radiofrequência, luz infravermelha ou ultrassom fracionado. Em comum, esses aparelhos aquecem a pele a fundo e estimulam a produção de colágeno, o que melhora a elasticidade e a firmeza da região", diz a dermatologista Doris Hexsel, de Porto Alegre (RS), professora do serviço de dermatologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) e investigadora do Centro Brasileiro de Estudos em Dermatologia.
 


4. Por que a pele ressecada faz a gente parecer mais velha?


"Isso acontece porque o ressecamento deixa o rosto opaco e com uma descamação leve que, muitas vezes, é confundida com rugas e linhas finas", diz a dermatologista Silvia de Mello, da Clínica Ivo Pitanguy, no Rio de Janeiro. Para evitar o problema, a médica recomenda lavar o rosto duas vezes ao dia com sabonete facial hidratante e aplicar tônico sem álcool ou demaquilante (se estiver maquiada). Depois, passe um hidratante específico para o seu tipo de pele e, se for de dia, finalize com protetor solar FPS 15+. Para completar, uma vez por semana faça uma esfoliação usando um produto suave e a cada três ou quatro dias espalhe uma máscara hidratante.
 


5. É verdade que o sol acentua as rugas e as linhas finas?


Sim, e ele não só piora como contribui para o aparecimento delas! Tudo porque a radiação ultravioleta, mais especificamente a do tipo A, atravessa a camada superficial da pele e agride os vasos, as glândulas e as fibras de sustentação da pele, o que resulta no envelhecimento precoce. "Mas dá para prevenir tudo isso aplicando diariamente um protetor solar com FPS 15 ou mais a cada duas horas, se estiver em contato direto com o sol, ou a cada quatro, se o ambiente for fechado", afirma a dermatologista Cláudia Magalhães, de Recife (PE).
 

 

6. Hidratar a pele ajuda a suavizar as rugas?


O hidratante não só minimiza o problema como também previne. Dentre os ativos mais interessantes para ter nesse creme estão aquaporine, alantoína, ácidos kójico, glicólico e salicílico, vitaminas A, C e E e chá verde. "A opção para quem quer uma hidratação mais profunda é a injeção de ácido hialurônico que, ao atrair água para as células, acaba preenchendo as rugas", diz a dermatologista Alessandra Cristine Marta, do Hospital Albert Einstein, em São Paulo.
 


7. Quem sofre com o ressecamento pode usar ácido?


Com certeza. "Os ácidos retinoico e glicólico, por exemplo, aceleram a renovação celular e ainda estimulam o colágeno, melhorando o aspecto geral do rosto", conta a dermatologista Silvia de Mello, da Clínica Ivo Pitanguy, no Rio de Janeiro. O mesmo efeito é conseguido com sessões de peeling, mas nesse caso é preciso caprichar na hidratação para evitar desconfortos. Lembrando que o hidratante ideal e específico para usar depois do procedimento deve ser o indicado pelo seu médico.
 


8. Por que o bigode chinês faz a gente parecer mais velha?


"Apesar de se localizar entre os cantos do nariz e dos lábios, ele não deixa de ser uma ruga profunda. Além disso, deixa a impressão de que os lábios estão caídos, o que confere uma expressão envelhecida, cansada e, em alguns casos, triste", conta a dermatologista Irene Dantas, da Clínica Dicorp, no Rio de Janeiro. Entre as boas soluções estão o preenchimento com ácido hialurônico, o uso de cosméticos manipulados que prometem aumentar o tamanho das células de gordura locais (caso dos elaborados com o ativo adipofill) e o lifting facial.

POSTADO POR: Administrador ÀS 20:32


MARCADORES: Rejuvenescimento

 

No ocidente, inicialmente as mulheres eram as grandes adeptas às rotinas de tortura para a remoção de pelos faciais, das axilas e dos membros inferiores. A fobia evoluiu e exportamos o Brazilian Waxing, forma de depilação quase completa da região do púbis, o que garante a utilização segura de biquínis arrojados.

 

Felizmente, a tecnologia tem acompanhado essa tendência e, hoje, as dolorosas sessões de depilação com cera e a velha lâmina de barbear podem ser substituídas pela depilação a laser (ou “epilação” a laser, no termo médico). O mais animador é que as sessões, que antes exigiam planejamento financeiro, estão sendo oferecidas a preços cada vez mais atraentes, o que aumenta muito o número de adeptos.

Mas antes de se decidir pelo método, é importante conhecer alguns mitos e verdades muito comuns, e tomar algumas precauções para evitar desastres.

 

A depilação a laser é definitiva?

 

O resultado das sessões depende do tipo de pele de cada pessoa, sendo a cor do pelo e o tom da pele duas importantes características. Isso acontece porque o tipo de luz utilizado nos lasers é absorvido pelo pigmento marrom encontrado nos pelos. O calor gerado pela luz “torra” o folículo, causando grande dano (que pode ser permanente ou não, dependendo da intensidade da energia que atinge o pêlo).

 

Pessoas de pele clara e pelos escuros costumam ter os melhores resultados, já que a luz tende a ser absorvida preferencialmente nos pelos. Em indivíduos com pele escura, o tratamento deve ser mais cuidadoso, porque a pele ao redor do pelo também apresenta pigmento marrom e pode absorver a luz – o como resultado, uma menor quantidade de energia atinge o pelo, a pele vizinha pode sofrer queimaduras e, em alguns casos, o aparecimento de manchas residuais na pele tratada.

As manchas escuras felizmente tendem a clarear com o tempo, enquanto as mais claras são mais difíceis de desaparecer. Pelos claros, loiros ou grisalhos, tendem a apresentar resultados muito pobres.

 

Quanto tempo leva o tratamento?

Normalmente, são necessárias, pelo menos, cinco sessões para que os resultados sejam significativos, mas a quantidade total pode variar de pessoa para pessoa.

Nem todos os casos adquirem o efeito “definitivo”, mas de forma geral há uma boa diminuição dos pelos tratados quando a indicação do procedimento é bem feita. E muitas vezes são necessárias sessões extras – em intervalos de oito a 12 meses – para manter o resultado.

 

O tratamento é doloroso?

A dor tende a ser de característica muito individual. Algumas pessoas dizem não suportar sessões de depilação a laser, enquanto outras passam por elas sem grande trauma. Outra coisa: a mesma pessoa pode ter percepções diferentes de dor em diferentes áreas do corpo.

A região da virilha e áreas com a pele mais escurecida são normalmente as mais sensíveis. A utilização de anestésicos locais e equipamentos que liberam jatos gelados junto com o laser tende a resolver a maior parte dos problemas. Além disso, o processo costuma ser rápido.

 

Homens podem fazer depilação a laser?

Inicialmente, a depilação era coisa de mulher e os homens tinham vergonha de optar pelo procedimento. Porém, a técnica pode ser uma ótima solução para homens com foliculite da barba – inflamação dos pelos devido à utilização da lâmina de barbear.

Para evitar o visual “pele de bebê”, pode se optar por depilar apenas a área do pescoço e manter os pelos faciais. Não há contraindicação para a depilação a laser no sexo masculino.

POSTADO POR: Administrador ÀS 19:54


MARCADORES: Depilação Definitiva

 

1. Escolha clínicas de estética por indicação ou aposte nas grandes redes.

2. Desconfie de promoções com preços muito reduzidos.

3. Não se sinta coagida a pagar por um pacote com antecedência. Uma dica é negociar 50% do pagamento no final do tratamento.

4. Não acredite em promessas de redução de gordura localizada e celulite que dizem não precisar manter uma dieta saudável e fazer exercícios físicos. Não há milagre!

5. Existem no mercado muitos equipamentos (laser, radiofrequência e outros) falsificados. Verifique se ele é aprovado pela Anvisa.

6. É imprescindível que as agulhas, como as usadas na intradermoterapia e na carboxiterapia, sejam descartáveis.

7. Em caso de procedimentos com laser, exija um óculos de proteção adequado ao equipamento.

POSTADO POR: Administrador ÀS 18:54


MARCADORES: Saiba Mais

Categoria
  • - Beneficio do alimento
  • - exercicios
  • - dieta
  • - Serviços
  • - Saiba Mais
  • - Procedimento
  • - Receitas
  • - Convite
  • - Depilação Definitiva
  • - Rejuvenescimento
  • - Promoções
  • - REDUÇÃO DE MEDIDAS
Espaço Derma
no Facebook
HORÁRIOS DE ATENDIMENTOS

08h às 12h/ 14h às 19h

 

Goiânia

Av. T-63, Edifício New World - Salas 915 e 916

62. 3932.8717 | 8121.9424
espacodermagyn@gmail.com